domingo , Fevereiro 25 2018
Home / OPINIÃO / Política do pão e circo sofre inquérito no MPE. Ou: Deputados fazem festa enquanto nos hospitais crianças morrem

Política do pão e circo sofre inquérito no MPE. Ou: Deputados fazem festa enquanto nos hospitais crianças morrem

Imagem: Internet

A política do pão e circo sofre inquérito no MPE. As emendas impositivas dos deputados tocantinenses que servem apenas para bancar festas pelo Estado preterindo assim a saúde, educação, infraestrutura e saneamento básico, em uma verdadeira política do pão e circo, onde se dá o que comer e beber à população para que esqueçam das mazelas que os assolam, estão sofrendo inquérito no Ministério Público Estadual do Tocantins. Os convênios firmados com as emendas em sua maioria são com entidades suspeitas.

Enquanto crianças morrem em hospitais e velhinhos enfrentam enormes filas para receber atendimento, nossos nobres deputados colocam nosso dinheiro nas mãos de pessoas desconhecidas e suspeitas para que deem festas, um absurdo que deve ser posto fim nele, e o MPE deu início. Quantas crianças ainda terão que morrer para os deputados notarem que em lugar de festas as emendas devem ir para o hospital? Vão continuar lotando os Hospitais com apadrinhados políticos, dificultando a economia destes em nome de um projeto político?

Quantos mais terão que voltar para casa sem serem atendidos por falta de insumos no Hospital enquanto os nobres deputados patrocinam festas com dinheiro público através de entidades suspeitas? A revolta toma conta do cidadão de bem, daquele que leva seu filho ao hospital e tem que voltar com ele sem fazer a consulta, pois falta material porque os que deveriam nos representar estão mais preocupados com festividades que com a saúde da população.

Essa investigação do MPE sobre as emendas para festas mostra o real intento delas e dos legisladores estaduais. Até quando vamos ficar calado ante essa situação? É hora de reunirmos e fazer uma verdadeira renovação política no voto, já que os que detém o poder não têm interesse nela. Vamos à luta, vamos em frente.

Por Keops Mota

Comentários do Facebook

Leia também

A condenação de Lula e a indignação seletiva dos petistas. Ou: tribunal de exceção uma ova! a justiça é para todos

  Lula foi condenado pelo tribunal da Lava Jato a 12 anos de prisão por …